RECONHECIMENTO: TODOS QUEREM, TODOS PRECISAM


Educar para a cidadania

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O reconhecimento é uma necessidade básica de todo ser humano, e também das organizações. Ser reconhecido significa que as pessoas conhecem a nossa identidade, sabem quem somos, sabem o que fazemos, e sabem o que pretendemos.

Para que haja reconhecimento, portanto, é necessário que haja transparência de nossa parte. É preciso que nos demos a conhecer, e que nos comuniquemos. Para que o poder público nos reconheça de alguma forma, é necessário que, antes, nos conheça, que saiba ao que viemos.

O reconhecimento vai muito além da simples identificação cognitiva ou visual de uma pessoa; o reconhecimento implica, sempre, a atribuição de determinados valores positivos a essa pessoa, e esses valores compõem o que se costuma chamar de “respeito”. Ser reconhecido, portanto, é ser conhecido e respeitado, pelo que se é, e pelo que se faz.

É por isso que o reconhecimento é muito mais do que simples ato burocrático e formal; antes, é uma necessidade humana (e institucional) vital. Todos nós, pessoas físicas ou jurídicas, lutamos por reconhecimento, temos a necessidade de que alguém nos reconheça, de que alguém atribua valor ao que somos e ao que fazemos. Todos nós queremos ser reconhecidos como dignos de estima social. Quando o reconhecimento nos é negado, ocorre o desrespeito, a violação, a privação de direitos, a degradação. A luta pelo reconhecimento, portanto, é a luta pela valorização, por ser assim, é que ela se torna uma luta emancipatória, uma luta que nos leva à liberdade e à nossa mais plena realização.

Nesta terça (16) o Observatório Social de Itajaí foi convidado a comparecer perante a Câmara de Vereadores para receber uma Moção de Congratulações e de Reconhecimento “pelos serviços prestados em prol da melhoria na gestão pública do município”. O Vereador Thiago Morastoni, autor da proposta, destacou que “a ideia de se homenagear o OSI se deve ao fato deste ser um espaço democrático e apartidário, que reúne entidades representativas da sociedade civil com o objetivo de contribuir para a melhoria da gestão pública. Sua atuação é em favor da transparência e da qualidade na aplicação dos recursos. Através de um trabalho voluntário, são feitos monitoramentos das licitações em nossa cidade e ações de educação fiscal. Até mesmo os custos, a atuação e a produtividade de cada um dos integrantes da Câmara de Vereadores são analisados e mostrados à comunidade pelo Observatório Social”.

O reconhecimento professado pelo Poder Legislativo de Itajaí se deu em função da prestação de serviços de natureza social e educativa desempenhados pelo Observatório. Estes serviços são prestados de forma desinteressada à coletividade, suprindo a necessidade que tem a sociedade de incentivo ao desenvolvimento da cidadania, especialmente em seu aspecto fiscal.

Ao congratular-se, e ao reconhecer os benefícios proporcionados pelo Observatório Social de Itajaí e a importância de sua atuação junto à sociedade, o Poder Público dá um grande passo em direção à cidadania.

Jonas Tadeu Nunes

Observatório Social de Itajaí

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s